Bateria do Nokia Lumia 800 após a atualização

Eu não tenho o costume de economizar com a bateria dos meus celulares, e gosto de usar todos os recursos que o aparelho oferece, mas o custo deste tipo de uso é sentido na autonomia da bateria, que sofre com o uso mais intenso e muitas vezes não consegue chegar ao final de um dia de trabalho.

Um dos maiores problemas que eu encontrei até agora no meu Nokia Lumia 800 foi o seu alto consumo de energia, que no início não chegava em 6 horas de uso, e após a atualização que prometia triplicar sua autonomia cheguei no máximo em um tempo entre 8 e 9 horas, isso com as redes sociais e duas caixas de email ativadas, WiFi e serviço de localização, sem fazer uma única chamada de voz, nem ouvir músicas ou games.

O aparelho conectado e com a tela apagada não consegue virar uma noite de sono com carga, e o carregamento na porta USB do notebook é absurdamente lento, o que força o uso de uma tomada de energia para não correr o risco de desligar o computador e não conseguir nem chegar em casa com energia no aparelho

Apesar dos conselhos de desativar alguns serviços de conexão e o GPS para diminuir um pouco o consumo, não gosto de solucionar este tipo de problema prejudicando o uso pleno e completo dos recursos do aparelho. Eu gostei muito do Lumia 800, mas o seu alto consumo de energia, até então muito difícil de ser encontrado nos aparelhos da Nokia se tornou um problema.

Vou continuar pesquisando sobre o assunto para tentar levar o aparelho pelo menos para um dia completo de trabalho fora de casa!

3 Comments

  1. Jorge P. 30/04/2012
  2. Mariana Klein 02/05/2012
    • Rodrigostoledo 02/05/2012

Leave a Reply